Bistrô da Poesia
Deguste... poesia é o alimento da alma!!!
CapaCapa Meu DiárioMeu Diário TextosTextos ÁudiosÁudios E-booksE-books FotosFotos PerfilPerfil Livros à VendaLivros à Venda PrêmiosPrêmios Livro de VisitasLivro de Visitas ContatoContato LinksLinks
Textos


As flores no cais
 
 
Flores lindas, coloridas,
Com um perfume especial.
Trazem consigo os aromas,
De uma estação sem igual.
Com elas chegam os pássaros,
E seu canto angelical.
Nos despertam de manhã,
Com seu gorjeio matinal.
A Natureza se alegra,
E nos mostra todos os tons.
Existem cores tão belas,
Impossível fazer igual.
Os pequenos seres alados,
Fazem sua parte do acordo.
Voando de flor em flor,
Polinizando corpo a corpo.
E o homem, esse ser irracional,
Ignora esse milagre Divinal.
Na ânsia de igualar-se a Deus,
Perde sua essência e se esvai.
E o perfume, antes tão denso,
Espalha-se por entre seus iguais.
Se afoga num mar de lamentos,
Com flores espalhadas pelo cais.
 
 Outubro/2012
Akasha De Lioncourt
Enviado por Akasha De Lioncourt em 12/08/2014
Alterado em 12/08/2014

Música: Primavera - Vivaldi

Copyright © 2014. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários