Bistrô da Poesia
Deguste... poesia é o alimento da alma!!!
CapaCapa Meu DiárioMeu Diário TextosTextos ÁudiosÁudios E-booksE-books FotosFotos PerfilPerfil Livros à VendaLivros à Venda PrêmiosPrêmios Livro de VisitasLivro de Visitas ContatoContato LinksLinks
Textos


 Ladrões de Sentimentos


Meus versos vem da alma,
Nos meus dedos criam forma.
Ao final da composição,
Escorrem, livres, para o papel.
São filhos das emoções,
Retém muitos sentimentos.
Não roubem de forma alguma,
Meus pequenos pensamentos.
Equivale a um sequestro,
Um crime de grande monta.
Não pelo valor da obra,
Mas pela dor da usurpação.
Por isso, defendo os direitos
De quem vive para compor.
Seja em verso, seja em prosa...
Rima rica ou rima solta.
Não se usurpa as emoções,
De quem expõe seu coração.


Akasha De Lioncourt - 03/05/2011

Akasha De Lioncourt
Enviado por Akasha De Lioncourt em 18/05/2011
Copyright © 2011. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários