Bistrô da Poesia
Deguste... poesia é o alimento da alma!!!
CapaCapa Meu DiárioMeu Diário TextosTextos ÁudiosÁudios E-booksE-books FotosFotos PerfilPerfil Livros à VendaLivros à Venda PrêmiosPrêmios Livro de VisitasLivro de Visitas ContatoContato LinksLinks
Textos


Sonhar Contigo 

Akasha De Lioncourt & Sávio Assad

Ah, sonho bom de se sonhar!
Meu coração voa longe, cantando,
Revigorado pela tua canção de ninar.
Meus sonhos me embalam suavemente,
Dizendo que, em breve, tu irás chegar.

Ah, sonho bom de se sonhar!
Sempre a espera desse momento
Tendo seus braços a me enlaçar
E correndo, volto para nosso ninho
Para em colo de amor, me aninhar.

Não quero mais sofrer essa saudade doída!
ela me maltrata demais, cheia de espinhos.
É como se meu peito fosse açoitado,
Por lâminas cortantes, que, ruidosas, ferem.

Quero ficar sempre ao teu lado
Não gosto de te ver assim, sofrida
Nessa espera, interminável e terrível
Meu coração grita pelos momentos ao seu lado.

E, ele sangra, chora, implora por teus carinhos,
Te quero tanto, meu amor, eu te preciso!
Quero teu colo, teu abraço e o teu beijo,
A segurança que transmites ao meu ser,
E a vontade, de fundir-me a você!

Meu coração é uma fenda aberta
Nesse deserto da vida, onde somos obrigados
A percorrer momentos insuportáveis
E nesta solidão nos vemos em pensamentos
Onde meus lábios te procuram.

Com paciência, eu aguardo o teu regresso,
Como criança, cuja promessa é adiada,
Mas, nos meus sonhos, busco-te, plenamente,
E o encontro em uma noite enluarada.

Oh! lua... onde te procuro todos os dias
Fitando a imensidão do horizonte
E te perdendo em pensamentos, vagueio.

De mãos entrelaçadas vamos caminhando,
Entre as estrelas, observando a Lua,
Que nos olhando, enternecida e enamorada,
Vê que mostras o quanto sou amada!

Testemunhas desse amor maduro e eterno
Vislumbrando rajadas de vento em nosso rosto
Vou seguindo com o coração aos gritos
Te chamando, te amando e te adorando.

E, só assim, meu amor, posso dizer,
Que é suportável a saudade de você...

Ah! que saudade...
Mas, estou perto, estou aqui, chegando
De mansinho, para te amar.
Reacenderemos a chama desse amor
E viveremos uma vida linda, só nossa.

(escrita em 2002) (escrita em 2006)
Akasha De Lioncourt
Enviado por Akasha De Lioncourt em 18/09/2006
Alterado em 04/07/2009
Copyright © 2006. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários